Confira tudo o que aconteceu na abertura da Mostra de Cinema Chileno ontem na CAIXA Cultural.


Aconteceu na tarde de ontem (1), na Caixa Cultural Fortaleza, a abertura da Mostra de Cinema Chileno, que integra a programação do 27º Cine Ceará - Festival Ibero-americano de Cinema.

Na cerimônia, houve a apresentação oficial do 27º Cine Ceará à imprensa, comandada pela Grazi Costa juntamente com Fabiano Piúba, da Secretaria de Cultura do Ceará, Clara Marcilia, da CAIXA Cultural Fortaleza, Pablo Arellano, curador da Mostra de Cinema Chileno e Wolney Oliveira, Diretor executivo do Cine Ceará. Após este primeiro momento, iniciou-se a Master Class “Raúl Ruiz e o Cinema Chileno Contemporâneo”, conduzida por Régis Frota, professor e pesquisador da Universidade Federal do Ceará (UFC). Com a casa lotada, O filme O Topo/ El topo, de um dos maiores cineastas do país, Alejandro Jodorowsky, foi o contemplado para iniciar as exibições; introduzido pela fala de Pablo Arellano, curador da mostra. O público saiu da sessão reflexivo e eufórico com um filme tão complexo e profundo, como comentou um dos participantes, Lucas Araújo, estudante de Geografia na Universidade Estadual do Ceará.

A mostra de Cinema Chileno vai até o dia 6 de agosto na CAIXA Cultural de Fortaleza e traz uma série de filmes, desde clássicos de dois dos maiores cineastas do país - Alejandro Jodorowsky e Raúl Ruiz - até longas premiados na atualidade, contemplados com a mostra do Panorama Chileno Contemporâneo.

Confira os principais momentos do primeiro dia da mostra: