cine.png
Ministério do Turismo, Governo do Estado do ceará e Secult apresentam:

festival

ibero-americano de cinema

 
de 05/12 a 11/12/2020 
  • Facebook
  • Instagram
  • Flickr
  • Youtube

O Festival

23º CINE CEARÁ – FESTIVAL IBERO-AMERICANO DE CINEMA E VÍDEO

7 a 14 de setembro de 2013

Concorrentes

Longa-metragem
Emak Bakia, Oskar Alegria (Espanha)
Mercedes Sosa, A voz da América Latina / Mercedes Sosa, la voz de Latinoamérica, Rodrigo H. Vila (Argentina)
O filme de Ana / La película de Ana, Daniel Díaz Torres (Cuba)
O paciente internado / El paciente interno, Alejandro Solar Luna (México)
Olho nu, Joel Pizzini (Brasil)
Rincón de Darwin, Diego Fernández Pujol (Uruguai)
Se Deus vier que venha armado, Luis Dantas (Brasil)
Solidões, Oswaldo Montenegro (Brasil)

Curta-metragem
Au Revoir, de Milena Times
ED., de Gabriel Garcia
Em Cartaz, de Fernanda Teixeira
Jessy, de Paula Lice, Rodrigo Luna e Ronei Jorge
Mauro em Caiena, de Leonardo Mouramateus
Melhor Amigo, de Allan Deberton
O Pacote, de Rafael Aidar
O Pai do Gol, de Luiz Ferraz
O Que Lembro, Tenho, de Rafhael Barbosa
Pintas, de Marcus Vinicius Vasconcelos
Quinha, de Caroline Oliveira
Sanã, de Marcos Pimentel

Premiados

Longa-metragem
Júri
Antônio Costa Valente (Portugal) / Diana Karklin (Rússia) / Elena Soarez (Brasil) / Jorge Abello (Cuba) / Tania Hermida (Equador)

Melhor longa:
EMAK BAKIA, Oskar Alegria (Espanha)
Melhor direção:
Luis Dantas (SE DEUS VIER QUE VENHA ARMADO) (Brasil)
Melhor fotografia:
Hélcio Alemão Negamine (SE DEUS VIER QUE VENHA ARMADO) (Brasil)
Melhor edição:
Luciano Origlio (MERCEDES SOSA, LA VOZ DE AMÉRICA LATINA) (Argentina)
Melhor roteiro:
Diego Fernández Pujol (RINCÓN DE DARWIN) (Uruguai)
Melhor som:
Abel Hernández (EMAK BAKIA) (Espanha)
Melhor trilha sonora original:
Ney Matogrosso (OLHO NU) (Brasil)
Melhor direção de arte:
Gonzalo Delgado (RINCÓN DE DARWIN) (Uruguai)
Melhor ator:
Ariclenes Barroso (SE DEUS VIER QUE VENHA ARMADO) (Brasil)
Melhor atriz:
Laura de La Uz (O FILME DE ANA) (Cuba)
Prêmio especial do Júri
O PACIENTE INTERNO – Alejandro Solar Luna

Mostra Competitiva Brasileira de Curta-Metragem
Júri
Armando Praça / Bruno Torres / Marcos Enrique Lopes / Pedro Pablo Lazzarini (Brasil) / Rita Dourado (Portugal)

Melhor curta:
JESSY, Paula Lice, Rodrigo Luna e Ronei Jorge
Melhor direção:
Marcos Pimentel (SANÃ)
Melhor roteiro:
Raphael Barbosa (O QUE LEMBRO, TENHO)
Melhor produção cearense:
O MELHOR AMIGO, Allan Deberton
Prêmio da crítica
Longa-metragem:
EMAK BAKIA, Oskar Alegria (Espanha)
Curta-metragem:
SANÃ, Marcos Pimentel
Prêmio Olhar Universitário
Melhor longa:
EMAK BAKIA, Oskar Alegria (Espanha)
Melhor curta:
MAURO EM CAIENA, Leonardo Mouramateus

Troféu Oscarito
COLETIVO ALUMBRAMENTO

Prêmio Aquisição Canal Brasil
Melhor curta-metragem da Mostra Competitiva:
SANÃ, Marcos Pimentel

Prêmio Banco do Nordeste
Melhor produção com temática nordestina:
MAURO EM CAIENA, Leonardo Mouramateus

Patrocínio VIP

Patrocínio

Apoio Cultural

ctavoutra-possivel-assinatura---SIGNIKA.

Agradecimento

Exibidor Oficial

aPOIO

Apoio Institucional

Apoio-CineTeatro-sãoluiz-logo.png
IDM.png
Captura_de_Tela_2019-08-18_às_17.44_edit
Captura_de_Tela_2019-08-18_às_17.44_edit

Realização

A Associação Cultural Cine Ceará comemora o cinema brasileiro e Iberoamericano, para reconhecer e apoiar novos cineastas, e para aumentar a consciência, acessibilidade e compreensão da arte entre um público amplo e diversificado.

endereço

Rua Monsenhor Catão 1.413

Casa 33 - Meireles

Fortaleza - Ceará - Brasil 

CEP: 60.175-000

Contato

contatos@cineceara.com

 
Assessoria de Imprensa Local
DÉgagÉ

www.degage.com.br

degagecomunica@gmail.com

Assessoria de Imprensa Nacional

Primeiro Plano

www.primeiroplanocom.com.br

julia@primeiroplanocom.com.br

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • Flickr Social Icon
receba nossa newsletter